Grupo 3corações conquista a 4ª posição entre as melhores empresas do agro para se trabalhar no Brasil

gtpw

Na segunda edição do ranking GPTW Agronegócio, o Grupo 3corações foi novamente eleito como uma das melhores empresas para se trabalhar no setor do Agronegócio, conquistando o 4º lugar nacional.

fyt_1862_2

A conquista foi divulgada pela Revista Globo Rural que em 2020, realizou uma parceria com o instituto Great Place To Work, consultoria responsável por elaborar a pesquisa dos melhores ambientes de trabalho em mais de 60 países, e a Associação Brasileira do Agronegócio (Abag).

O Grupo 3corações conquistou o quarto lugar na categoria de companhias de grande porte.

Para chegar ao resultado, o GPTW coleta opiniões dos próprios funcionários para saber o que eles acham do ambiente de trabalho de suas empresas. Oportunidade de crescimento, qualidade de vida e equidade de gênero são alguns dos critérios usados pelo GPTW para essa avaliação.

As práticas adotadas pelo Grupo estão presentes em nossa Carta de Conduto e buscam o equilíbrio entre a vida pessoal e profissional de nossos colaboradores. Treinamentos, apoio financeiro para cursos técnicos, graduação e pós-graduação são algumas das práticas adotadas para trazer mais conhecimento e valorização aos colaboradores.

Também podemos destacar as iniciativas tomadas durante a pandemia do Coronavírus, dentre elas: o questionário de acompanhamento de saúde dos colaboradores, home office para as áreas que podem atuar remotamente e equipamentos de segurança para quem presta serviços essenciais.

“O grupo tem o objetivo de criar laços legítimos e duradouros com os seus colaboradores e oferecer programas para que eles possam crescer como profissional e indivíduo. Então, receber esse reconhecimento do GPTW mais uma vez é muito gratificante, pois significa que nossos esforços estão no direcionamento correto”, diz Sueli Alves, diretora de Recursos Humanos.

Agradecemos aos mais de 6.500 colaboradores da 3corações que partilharam sua percepção e contribuíram com esta conquista.